Esclerose Múltipla: Quais as perspectivas em exames complementares?

Tomografia de Coerência Óptica (OCT) Recentemente, a Tomografia de coerência óptica (OCT) tem sido aplicado em vários estudos em Esclerose Múltipla como um instrumento reprodutível, barato e com uma técnica capaz de identificar as diferentes camadas retinianas. Um conjunto crescente de evidências apoia a mensuração das camadas retinianas pelo OCT no ambiente de pesquisa daContinuar lendo “Esclerose Múltipla: Quais as perspectivas em exames complementares?”