Neurite óptica( vídeo-aula)

Vamos abordar sobre uma das neuropatias ópticas inflamatórias mais comuns: a neurite óptica. . Fizemos um resumo da neurite óptica típica ,cujo o carro-chefe é a Esclerose Múltipla, que pode ter como manifestação clínica inicial a neurite óptica…siga @neuro.skull . Referências:-CONTINUUM (MINNEAP MINN) 2019;25(5, NEURO-OPHTHALMOLOGY):..Alguém mais curte Neuroimuno? Já viram algum caso de neurite óptica no prontoContinuar lendo “Neurite óptica( vídeo-aula)”

Esclerose Múltipla: Quais as perspectivas em exames complementares?

Tomografia de Coerência Óptica (OCT) Recentemente, a Tomografia de coerência óptica (OCT) tem sido aplicado em vários estudos em Esclerose Múltipla como um instrumento reprodutível, barato e com uma técnica capaz de identificar as diferentes camadas retinianas. Um conjunto crescente de evidências apoia a mensuração das camadas retinianas pelo OCT no ambiente de pesquisa daContinuar lendo “Esclerose Múltipla: Quais as perspectivas em exames complementares?”

Dicas de Livros em Neurologia:Semiologia Neurológica( Unicamp)

Hoje faço minha reverência a uma obra de neurologia genuinamente brasileira: o livro Semiologia Neurológica da Unicamp. Já habituado a consultar livros estrangeiros clássicos de Neurologia, confesso que demorei para ter um contato mais aprofundado com o livro da Unicamp. Coincidências à parte – ou força do destino, como queiram chamar- vim morar em Campinas-SPContinuar lendo “Dicas de Livros em Neurologia:Semiologia Neurológica( Unicamp)”

O efeito do Yoga como terapia complementar ao tratamento padrão da Migrânea

Qual a importância do tema? A migrânea( enxaqueca) é  um dos tipos de cefaleia primária mais incapacitante, afetando aproximadamente 13% da população mundial. Trata-se de um distúrbio neurológico com importante impacto na qualidade de vida , prejuízo nas atividades laborais e causa frequente de absenteísmo. A terapia medicamentosa é a primeira linha para tratamento daContinuar lendo “O efeito do Yoga como terapia complementar ao tratamento padrão da Migrânea”

Fatores de Risco para Esclerose Múltipla Agressiva: Risk Factors for Aggressive Multiple Sclerosis

✍🏻Referência: ✍🏻Multiple Sclerosis and other CNS Inflammatory Diseases p. 689-714June 2019, Vol.25, No.3doi: 10.1212/CON.0000000000000731 #neurology#neurologia#neurología#medicina#esclerosemultipla#multiplesclerosis#medicine#neuroimunologia

Como detectar hemiparesia/hemiplegia em um paciente com alteração do nível de consciência (torporoso ou comatoso)?

-Observe atentamente se há assimetria unilateral do movimento, a postura, o tônus muscular e, principalmente, procure por flacidez unilateral das extremidades( nas lesões agudas);-A flacidez unilateral associada a ausência de resposta espontânea ou movimentos induzidos pelo estímulo doloroso ajudam a identificar a HEMIPLEGIA AGUDA. – Três testes podem ser utilizados para identificar o déficit oContinuar lendo “Como detectar hemiparesia/hemiplegia em um paciente com alteração do nível de consciência (torporoso ou comatoso)?”

Dicas de livros em Neurologia: DeJong- O exame neurológico (William W.Campbell).

✍🏻Hoje vamos comentar sobre um clássico livro de Exame Neurológico: DeJong- O exame neurológico (William W.Campbell). Sabe aquele terno e gravata clássico que você usa há muitos anos, muitas vezes herdado do seu pai, e que, mesmo atualmente, ainda lhe cai muito bem? Pois bem, como todo bom livro clássico, o DeJong é aquele livroContinuar lendo “Dicas de livros em Neurologia: DeJong- O exame neurológico (William W.Campbell).”

Síndromes Clínicas Clássicas dos infartos lacunares.

✍🏻Dentre os AVC isquêmicos temos alguns subtipos: aterosclerose de grandes vasos, cardioembolismo e doença cerebral de pequenos vasos. Apesar da doença de pequenos vasos ter manifestações clínicas e radiológicas diversas, o infarto lacunar é o protótipo, sendo responsável por 20 a 30% dos AVC isquêmicos.Clinicamente o infarto lacunar pode se manifestar por diversas síndromes, sendoContinuar lendo “Síndromes Clínicas Clássicas dos infartos lacunares.”